Como descobrir a senha do Facebook de outra pessoa

17 de abril de 2014

Como descobrir a senha do Facebook de outra pessoa   dicas e macetes A consequência de você poder descobrir a senha do facebook, descobrir a senha do Gmail, a senha do Hotmail, ou de qualquer outro serviço on-line, está condicionado a forma como utiliza os navegadores Google Chrome e o Mozilla Firefox.

O conhecimento pode tanto ser usado para o bem, quanto para o mal, mas o objetivo deste post é alertar os usuários desses dois navegadores (Chrome o Firefox) e orientá-los para que seus logins e senhas não sejam roubados por estranhos, principalmente para aqueles que utilizam computadores compartilhados em Cyber Cafés ou LAN Houses.

O principal vilão: funcionalidade salvar senha



Os principais navegadores atualmente no mercado (Google Chrome, Mozilla Firefox, Safari, Internet Explorer e Opera) possuem uma funcionalidade que te pergunta se deseja salvar automaticamente os seus logins e senhas. Quando habilitamos essa função, esses navegadores passam a preencher automaticamente os formulários de logins dos sites, sem que tenhamos que digitar todas as vezes essas informações.

Confesso a você que essa funcionalidade facilita muito a minha vida, pois tenho cadastro em centenas de sites na Internet e, apesar de usar um gerenciador de senhas portátil, tê-las gravadas também no browser agiliza o trabalho. Esse comportamento é adotado pela maioria das pessoas que usam a Internet, mas acaba criando uma brecha de segurança quando o assunto é administração de senhas pessoais.

Como descobrir a senha do facebook

Como havia explicado no primeiro parágrafo, alguns critérios precisam ser atendidos para que você possa descobrir uma senha. São eles:

Ter acesso físico ao computador da pessoa;
Essa pessoa deve estar logada no computador;
Ela use o navegador Google Chrome ou Mozilla Firefox para navegar na Internet;
Esses critérios parecem impossíveis de serem atendidos, caso algum bisbilhoteiro queira descobrir a senha do facebook de uma amiga do colégio, mas num cenário onde um irmão compartilha o computador com uma irmã, ou que a tal amiga do colégio acessa o facebook de uma LAN House, ou até mesmo do colégio da escola, nesse caso os critérios tornam-se factíveis.

Google Chrome

O modo como o Google Chrome gerencia as senhas salvas por ele é no mínimo questionável. Qualquer um pode ter acesso a todas as senhas salvas nesse navegador, bastando digitar em sua barra de endereço o seguinte comando:

chrome://settings/passwords

Esse comando abre uma janela listando todos os sites, logins e senhas que estão armazenadas pelo Google Chrome.

Senhas salvas no Google Chrome

A explicação para isso foi dada pelo Justin Schuh, um dos desenvolvedores do Google Chrome, explicando em um fórum (em inglês) que isso não é um problema e sim uma funcionalidade. Resumindo o que foi falado por Justin Schuh nesse fórum, é que, se um hacker já conseguiu ter acesso ao micro do usuário, passando por todos os mecanismos de autenticação e segurança do sistema operacional, não será o Google Chrome que conseguirá barrar esse hacker, se ele quiser descobrir os tais logins e senhas.

Nem preciso comentar que essa resposta gerou uma grande discussão nesse fórum né? Então, se eu conseguir “roubar” as senhas da minha irmã, já vou poder me considerar um hacker? Creio que não.

  • Mozilla Firefox

O Mozilla Firefox também gerencia, por padrão, as senhas salvas da mesma forma que o Google Chrome, armazenando os logins e senhas sem criptografia. Para acessar esse banco de dados, estando com o Mozilla Firefox aberto, siga os seguintes passos:

Aperte a tecla ALT do lado esquerdo do teclado. Será exibido o menu do navegador;
Clique em Ferramentas -> Opções;
Selecione a guia Segurança;
Clique no botão Senhas Salvas;
Na janela que se abriu, clique no botão Mostrar Senhas.
Senhas salvas no Mozilla Firefox

Nunca foi tão fácil ser um hacker não é mesmo!? Mas para o Mozilla Firefox existe ao menos uma forma de proteger melhor essas informações de login e senha. Explico como mais abaixo.

  • Internet Explorer e Safari

Estes navegadores possuem um nível maior de proteção, pois pedem que o usuário informe a sua credencial do sistema para que possa exibir as senhas.

Mas como configurar os navegadores para não salvarem a senha?

Se você utiliza áreas públicas de acesso a Internet, a primeira dica é não habilitar a opção de salvar senha. Caso isso já esteja habilitado por padrão, assim que terminar de usar o micro, limpe o seu histórico de navegação. Para os caso em que compartilha o micro em um ambiente privado, siga os passos abaixo, de acordo com o navegador que utiliza.

  • Google Chrome: Desabilitando o salvamento automático da senha

Clique no botão personalizar e controlar o Google Chrome. É o botão de três barras paralelas, sobrepostas, localizado abaixo do botão “X” de fechar a janela;
Como acessar as configurações no Google Chrome
Selecione a opção Configurações;
Na barra de pesquisar nas configurações, digite Senhas e Formulários;
Desmarque o check-box da opção ofereça para salvar senhas quando eu entrar na web.
Não esqueça de limpar o histórico do navegador, para forçar a remoção das senhas já armazenadas no Google Chrome.

Mozilla Firefox: Protegendo suas senhas

Existe uma forma de colocar uma senha mestra para conseguir visualizar essas informações de logins e senhas salvos pelo Mozilla Firefox. Dessa forma, mesmo que você as tenha deixado gravadas no navegador, somente você, que possui a senha mestra, poderá ter acesso a elas. Veja como habilitar essa funcionalidade abaixo:

Aperte a tecla ALT do lado esquerdo do teclado. Será exibido o menu do navegador;
Clique em Ferramentas -> Opções;
Selecione a guia Segurança;
Na área Senhas, selecione a opção Usar senha mestre.
Uma janela será aberta solicitando a você que forneça essa senha mestre.
Cadastrar senha mestre no Mozilla Firefox

Agora, todas as vezes que entrar numa página de formulário que o Mozilla Firefox sabe que possui uma senha gravada, ele vai exibir uma janela pedindo para que você insira a senha mestre cadastrada.

Janela de solicitação da senha mestre

Agora, ao tentar acessar a área Ferramentas -> Opções -> Segurança -> Senhas Salvas, ainda será possível ver as informações de login de todos os sites, e a janela pedindo para que informe a senha mestre só será apresentada caso você clique no botão Mostrar Senhas.

Ainda continuo com a opinião de que, mesmo que o Firefox permita o cadastro de uma senha mestre, impossibilitando que tenha acesso as senhas dos sites, ainda continuamos com a permissão de ver as informações de logins. Pode não ajudar um simples mortal a descobrir a senha do facebook de outra pessoa, mas já podemos considerar como sendo uma falha de segurança.

Os alvos de investigação principais são e-mails e contas do Facebook, segundo as mulheres. A maioria das entrevistadas não encontrou nada comprometedor nos arquivos pessoais dos parceiros, mas como o ditado “quem procura, acha” não existe à toa, com a desenhista Thais Bonfim a história foi um pouco diferente. “Vi uma conversa no Face, em uma brincadeira de ‘eu olho o seu, você olha o meu’, que quase levou o nosso namoro ao fim. Uma menina se declarando e ele dando algumas aberturas”, contou ela.

A descoberta não provocou o ponto final da relação e o casal superou a má fase. A investigação da supervisora de atendimento Giovana Lima teve uma conclusão mais drástica. Do ex-namorado, ela descobriu conversas com outras mulheres e mentiras sobre saídas, feitos pequenos perto do que apurou sobre o, então, marido da prima. “Descobri que ele estava em contato com uma ex-namorada e faziam planos de morarem juntos. Tinha um relacionamento virtual. Realmente aconteceu: ele saiu de casa e foi morar com a outra”, contou Giovana.

  • Trabalho de detetive

Para conseguir o acesso, ela tentou diversas senhas e conseguiu descobrir com a resposta de segurança. “Geralmente, as pessoas colocam algo óbvio, aí foi fácil”, disse. A auxiliar administrativo Luria Ramos também precisou de um pouco de esforço para obter a senha do Facebook do parceiro. Ela esperou ele acessar a rede social e viu “sem querer” os códigos digitados. “Espionei porque a gente estava em um momento difícil, mas descobri nada e as conversas que me deixaram com a pulga atrás da orelha deixei para lá”, afirmou.

A estudante Nathalia Rodrigues conseguiu a senha com o próprio parceiro e só não teve mais “sorte” que a produtora de eventos Aline Brito, que não precisou pedir ou investigar para dar uma espiada nos arquivos pessoas do, então, namorado. “Ele deixou a senha salva no meu computador. Quando abri o Facebook, entrou direto na página. Impossível não dar aquela olhadinha (risos)”, disse ela. Arrependida da atitude, Aline contou que só espionou porque “tendo a oportunidade ali na sua frente, é difícil resistir”.
Senha: pessoal e intransferível
Apesar de enumerarem as descobertas possíveis através do acesso a contas de e-mail e Facebook dos parceiros, as entrevistadas, com exceção de Luria, disseram não praticar mais o tipo de “investigação”. “Acho falta de confiança no outro”, justificou Giovana. É uma invasão à privacidade, segundo Aline. Elas não permitiriam o parceiro vasculhar os assuntos pessoais de e-mails e mensagens nas redes sociais. “Eles podem interpretar uma conversa de forma incorreta”, explicou Aline.

Compartilhar as senhas, então, não é visto de forma positiva por elas. “Acho que cada pessoa precisa ter uma vida pessoal fora do relacionamento”, afirmou Nathalia. Giovana não se importa em dizer ao namorado senhas de acesso de e-mail ou redes sociais. “Sou muito transparente, mas se começar a ficar paranoico eu corto o acesso”, completou.

Categoria: Dicas e Macetes








Vídeos relacionados

4 Comentaram

  1. lucas disse:

    Preciso de sua ajuda . Entre em contato comigo. Por favo. Pago bem

  2. izaque disse:

    como descobre a senha pora que raiva

  3. izaque disse:

    nao discobri a senha da minha irma a que raiva

  4. ruan silva disse:

    quero discubri a senha

Deixe Seu comentário

© 2014 Novo Melhor. All rights reserved. - Páginas mais acessadas